Comportamento: Como disciplinar seus filhos

Postado por Jaque em 09 de dezembro de 2013.


disciplina capa

Primeiro de tudo eu gostaria de esclarecer que a palavra disciplina significa, como muitos pais têm medo de escutar e, portanto, recusar-se a realizar ações disciplinares, porque todos se relacionam com abuso ou exigências extremas sobre as crianças.

Mas, senhores, “disciplina” de acordo com o dicionário é a coordenação e instrução de comportamento e formas de desenvolver habilidades, ou seguimento de determinado código de conduta. Assim, a disciplina deve mesmo fazer parte da educação básica das crianças e não apenas uma opção a considerar.

Estabelecer limites apropriados

Muitas vezes pensamos que nossos filhos vão sofrer se os corrigirmos ou discipliná-los neste caso, mas na maioria das vezes a idéia de “Me machuca mais do que você” se aplica muito bem aos pais.

Ontem ouvi algumas frases que me inspiraram a escrever este artigo, por exemplo, dizendo que a criança nunca deve ser dito “não”, porque eles fazem um trauma, ou você sempre tem que atendê-los no momento em que perguntar… Talvez isso possa ser aplicado como às necessidades de um bebê, mas para as crianças não é necessariamente igual.

A disciplina está em seu melhor

Basta aplicar a lógica para saber que, se nossos filhos se acostumaram a atendê-los sempre que eles querem, nunca dizer não, os limites de modo conjunto, para comprar-lhes tudo o que eles pedem, etc. Chegará um momento em que saem ao mundo real e enfrentaram que nem todos irão satisfazer as suas exigências ou inclinar-se e é aí que eles vão sofrer.

As extremidades são ruins

Disciplinar as crianças, como já mencionado anteriormente, é educar os modelos de comportamento e estruturas para se adaptar a certas regras. Este será em casa, a escola, se se trata de uma equipe esportiva, para socializar com outras crianças e suas famílias, etc. E então a ser maior.

No entanto, há aqueles que tomam a palavra disciplina como um fim, o que não é bom. Às vezes a gente sai do contexto e confundimos os conceitos, limitar muito, não capacitar, para dizer não a tudo, etc, são comportamentos que também irá prejudicar os nossos filhos.

Em suma, o equilíbrio é o melhor, não ter fim é bom em nada, muito menos quando se trata de educar as crianças. Eu sei que é difícil, eu vivo por mim mesma, mas só não pode generalizar, temos de encontrar uma maneira de orientá-los com a mão delicada e rigorosa, conforme necessário, em qualquer caso.


Deixe seu comentário
Utilitários
Siga-nos
Siga e compartilhe!
Facebook Twitter RSS
Estatísticas
Pagerank Dicasmodafeminina.com Dihitt
© Copyright 2017 dicasmodafeminina.com - Todos os direitos reservados